terça-feira, 5 de maio de 2015

Nani terá sempre o meu respeito!


Falemos então um pouco sobre o Nani.

A contratação do Nani, ainda que emprestado, foi um excelente acto de gestão por parte desta Direcção. Ninguém acreditaria ser possível, a festa que se fez aquando da sua chegada exigia-se. O Sporting precisava de voltar a recuperar momentos como este.

Nani teve e tem um papel importante na época que o Sporting realizou. Pela qualidade do seu futebol, pela experiência que trouxe para dentro do balneário e pela vontade que sempre demonstrou em ajudar o Sporting a cumprir os seus objectivos. Este último, não sendo só sua responsabilidade, é o que está mais longe da meta!

Nani ao longo desta época que se aproxima do final, teve três fases no Sporting. Uma primeira com qualidade assinalável em que era o patrão da equipa. Uma segunda após a lesão, não tão evidente a sua importância, mas porque houve, no meu entender, outro jogador que esteve em termos qualitativos ao seu nível e por vezes melhor, Carrillo. No entanto, a sua presença em campo foi certamente motivo para que outros desenvolvessem melhor as suas capacidades. Uma terceira, e que agora decorre, onde ele tem deixado o seu jogo fluir, não há muito a fazer e espera claramente pelo dia 31 de Maio para poder dizer "Eu ajudei o Sporting a regressar aos títulos!"

Hoje, as declarações do jogador são retiradas do contexto, claro que o O Jogo aproveita para fazer buzz, bem como outros órgãos de comunicação social. Nani poderia simplesmente ter evitado dizendo um "nada a dizer sobre isso".

Mas falou, "Os adeptos pedem-me para ficar, mas todos sabemos que é difícil, porque tenho contrato com o Manchester United e as minhas ambições são outras neste momento", na realidade o que disse é o que o todos sabíamos, mas claro, a parte das ambições podia evitar.

Não evitando, só confirma, na minha opinião, aquilo que também penso da situação do Nani. Foi óptimo tê-lo por cá, gostaria que o Sporting, de vez em quando pudesse ter capacidade financeira para este tipo de situações, mas sinceramente todos percebem que o Nani, mesmo gostando muito do Sporting, quer outro tipo de vôos. Tem esse direito, a mim não me choca, desde que não vá parar aos rivais cá em Portugal, e por isso desejo que o último acto dele no Sporting seja erguer a Taça de Portugal no Jamor!

Nani terá sempre o meu respeito, prometeu voltar e cumpriu. Só lhe desejo que tenha muita sorte no futuro, menos quando defrontar o Sporting.

domingo, 3 de maio de 2015

Sporting 2-0 Nacional :: bis de Montero!


Não me espanta nada que Marco Silva esteja a colocar em campo jogadores menos utilizados durante a época. O Sporting tem o terceiro lugar garantido, apanhar o Porto é praticamente uma miragem e o Sporting termina a época no Jamor diante do Braga num jogo que quer vencer!

Ontem em Alvalade perante 31 mil adeptos a equipa desperdiçou 45 minutos. Nada que não estejamos habituados, esta época em casa tem acontecido por diversas vezes. Os jogos com o Nacional têm sido muito bem disputados e percebia-se que era preciso muito mais do que joagdores pouco rotinados para chegar aos 3 pontos.

Estes jogos têm tido pelo menos a importância de mostrar ao treinador e aos dirigentes que para o ano, para disputar o título com certeza, é necessário ir um pouco mais longe nos jogadores que se contratam, obviamente sem descurar o plano financeiro em marcha.

Dificilmente Rosell, André Martins e Capel terão lugar num Sporting para outros vôos. Não sou ingrato com os dois que há mais tempo estão no Sporting. André Martins como profissional não lhe aponto nada, Capel teve os seus momentos de glória em Alvalade. Rosell, de quem tive muita esperança para ombrear com o William Carvalho, falhou nesse papel.

Depois veio a segunda parte. Marco Silva olhou para Carrillo e disse-lhe "resolves isto, se faz favor, porque senão no final do jogo tenho de voltar a responder a perguntas dos objectivos e do futuro".

Assim foi!

Carrillo em 15 segundos de jogo da segunda parte fez mais que a equipa toda na primeira. Foram precisos apenas 12 minutos em campo para o peruano assistir Montero para o primeiro golo do jogo.

Carrillo é para renovar e o Sporting vai ter de abrir os cordões à bola. O internacional peruano tem de ser o jogador mais bem pago do plantel. Não há dúvidas disso, a sua qualidade é imprescindível para a época 15/16.

Montero, que já é o melhor marcador do Sporting com 1.956 minutos jogados (Slimani com 2.060 e Tanaka com 1.114), é também o melhor avançado que temos. Qualidade essa que é, a par de Carrillo, imprescindível para o Sporting da próxima época. Independentemente se o colombiano joga a segundo avançado ou não, o treinador está lá para decidir o melhor para cada jogador.

O segundo golo do Sporting, e de Montero, foi conseguido no minuto 90, depois de arrancada de Carlos Mané. Apesar do remate ter sido travado por Gottardi, Carlos Mané está a fazer uma época muito aceitável. A questão inicial quando chegou ao 11 do Sporting era perceber se Mané era ou não um novo Djaló. Distancia-se cada vez mais disso, mas não chega. A próxima época é decisiva e muito contará para isso os jogadores novos que chegarem!

Vitória justíssima do Sporting que assegurou ontem o terceiro lugar do campeonato e o consequente apuramento para a Liga dos Campeões. Sim, a pré-eliminatória, ao contrário de outros anos, é considerada Liga dos Campeões, no entanto, o que queremos é ver o Sporting na fase de grupos e para isso uma eliminatória complicada surgirá no horizonte. Ou isso, ou hoje o Porto "come" choco frito e isto até animava!

sexta-feira, 1 de maio de 2015

Saiu do armário!


Finalmente António Salvador confirmou o que muitos já desconfiavam e até, de certa forma, sabiam. O Sporting de Braga quer ser visto, continua a fazer por isso, como o Benfica do Norte. As declarações a seguir à vitória diante do Rio Ave demonstram um falta de identidade já há muito conhecida e que em tempos até deu para este mesmo presidente falar dos fantásticos adeptos do Vitória SC e da sua vontade de ter em Braga algo parecido. São declarações infelizes, principalmente para aqueles adeptos do Braga que são mesmo do Braga, e esses têm o meu respeito!

Mas lamento dizer ao António Salvador, sem querer colocar "o carro à frente dos bois", que os Benfiquistas, arrisco-me a dizer, uma grande parte deles, não se identifica com este Braga, com esta personagem, e que quererá ver uma Supertaça entre Sporting e Benfica, um derby em agosto.

quarta-feira, 29 de abril de 2015

Manuel Fernandes, Soares Franco e Couceiro podem falar mais tarde?


Há coisas que são muito características dos últimos anos entre Sportinguistas. O querer arranjar problemas onde eles não existem, lançar dúvidas e suspeições, criar o caos de forma completamente desnecessária, quando estamos a poucos dias de entrar no mês que nos poderá dar um título.

Uns mais que outros, com um desejo incrível de necessariamente virem à praça pública falar do Sporting e de assuntos, que, pouco lhes dizendo alguma coisa, nem interferência têm na sua decisão,

O assunto é Marco Silva. O treinador do Sporting que tem mais 3 anos de contrato com o clube.

Há 4 jogos para o campeonato ainda por completar e uma final da Taça de Portugal para conquistar. Independentemente do que cada um pensa sobre a situação de Marco Silva, da continuidade como treinador do Sporting à frente do clube, não é necessário, nem importante ter que vir alguém da direcção esclarecer o que todos sabem: nesta altura, com os dados que se conhecem, Marco Silva é o treinador do Sporting e tem 3 anos de contrato ainda por cumprir. Tudo tem o seu tempo!

Manuel Fernandes foi o primeiro a abrir a boca. Eu adoro-o como jogador do clube, com apaixonado pelo Sporting, mas desde que saiu porque ganhava aquilo que não merecia e que esta direcção decidiu corrigir, de vez em quando lá diz umas coisas que não fazem sentido. Isso e de ter feito parte da direcção de Godinho Lopes. Manuel veio esta semana falar da posição do treinador do Sporting e que esta deveria ser esclarecida. Não, não deve. A situação está para já esclarecida.

Depois veio Filipes Soares Franco, o Presidente que preferia segundos lugares e que apesar de achar que a Taça de Portugal não salva a época, andou eufórico no seu tempo com quartos de final da Liga Europa e com a possibilidade de acabar com as modalidades uma atrás da outra.

Hoje foi o Peyroteo. Quando é para falar do Sporting é assim que o conhecemos. Couceiro, treinador, vem dizer que enquanto Sportinguista está satisfeito q.b. com Marco Silva e que o clube deve mantê-lo como treinador nos próximos tempos.

O Sporting tem treinador, que por sua vez ainda tem 3 anos de contrato e no final do mês de maio há uma Taça para vencer. Entendem isso estas 3 figuras incontornáveis do universo leonino? Ou é preciso fazer um desenho?

segunda-feira, 27 de abril de 2015

Moreirense 1-4 Sporting :: foi a noite de Montero!


Marcar logo no primeiro minuto e chegar aos 3-0 em pouco mais de 60 segundos, tornou tudo mais fácil para o Sporting conquistar com inteira justiça os três pontos em Moreira de Cónegos.

É um terreno sempre complicado, onde a equipa de Guimarães costuma fazer-nos a vida negra. Tenho má memória da eliminação da Taça de Portugal naquele campo ou de um derrota com chuva torrencial e uma arbitragem grosseira.

Hoje Mané abriu bem cedo o marcador após assistência de Montero. Marco Silva apostou num esquema táctico com dois avançados, o colombiano e Tanaka. O meio campo ficou mais descoberto, com William e André Martins, notou-se nos movimentos defensivos, que o digam os centrais.

Se no primeiro golo Montero assistiu Mané, no segundo ele fez questão de colocar a bola dentro da baliza, num excelente gesto técnico, voltando a assistir para Tanaka no terceiro. O colombiano, não me canso de repetir, é dos melhores jogadores que o Sporting tem no seu plantel. Vender ou equacionar a sua saída é impensável!

Ainda houve tempo para o Moreirense reduzir e ficar a "apenas" dois golos antes de chegarmos ao intervalo.

A segunda parte começa com demasiado espaço a ser concedido aos jogadores do Moreirense. Se por um lado o esquema utilizado por Marco Silva favorece e muito Montero, e até Tanaka, houve, enquanto João Mário não entrou em campo, muito terreno livre para os jogadores adversários trocarem a bola com facilidade nas transições e rapidamente se colocarem em frente a Patrício. Ewerton e Paulo Oliveira alertavam para isso.

Ainda entrou Adrien Silva e Capel, e foi mesmo o espanhol a colocar a bola em Montero para este bisar. O "avioncito" fazia o seu nono golo da época. Nada mau para quem não tem jogado com regularidade e muito menos num esquema que se proporcione ao seu estilo de jogo.

Terminar dizendo que fico com pena que Diego Rubio não tenha jogado uns minutos. Certamente terá a sua oportunidade na pré-época.

Boa vitória do Sporting, sem margem para dúvidas, as portas de acesso à Liga dos Campeões estão completamente escancaradas. Certamente não sendo uma época de sonho, obviamente, é, para todo o efeito, melhor que um sétimo lugar. Próximo domingo recebemos o Nacional e vencer é o único objectivo!

Ídolos zero? Talvez, mas o João Benedito tem a palavra!



O meu último ídolo em Alvalade foi o Liedson. Já repeti por diversas vezes a história aqui no blog. O "levezinho" era, para mim, um jogador quase intocável. Durante meses, quando as redes sociais estavam ainda numa fase mais embrionária, criei e geri a página com mais likes relacionada com o que "aquele lingrinhas" faziam dentro de campo. A página chegou a ter mais de 120 mil likes quando a fechei no dia em que assinou pelo Porto. A traição foi dura!

Cada vez mais, no futebol moderno (e no desporto), é complicado para um adepto ter ídolos. Podemos gostar muito de certos jogadores, uma simpatia forte mas, como adepto do Sporting, não é fácil voltar a cair no "erro", podemos dizer assim, de ver um jogador conquistar o nosso coração verde e branco de forma incondicional!

Mas depois, bem, depois aparecem aqueles vídeos dos momentos que nos ficarão para sempre na memória.

João Benedito é um enorme Sportinguista. Há alguns anos tive a sorte de ouvir isto na televisão e gravei (vídeo em cima) em directo. O João a mostrar como é ser-se Leão, a colocar o dedo na ferida e, curiosamente, após uma lesão. Fomos campeões nesse ano em futsal.

O João é um jogador absolutamente incrível. Um Leão a 100%. Lesionado na sexta feira na meia final da UEFA Futsal Cup, no tendão de aquiles, foi operado no sábado e no dia seguinte já estava no Meo Arena a ver o "seu" Sporting. O Cristiano, no jogo de atribuição do 3º/4º lugar marcou um golo, dedicou-lhe e bem esse momento.

O João...o João é um jogador querido de todos os Sportinguistas. É alguém que ficará para sempre ligado à história do futsal do Sporting. É um jogador que ama o clube e vai terminar a sua carreira no nosso clube. O João terá de ficar para sempre ligado ao clube. E pode ter uma tarefa aparentemente simples: ensinar o Sportinguismo aos mais jovens que chegam ao Sporting e lhes explica como se vive intensamente o clube e a forma como o devem respeitar.

Um amigo meu Sportinguista, Bruno Martins, escrevia ontem sobre isso mesmo no seu Facebook, "Zero Ídolos? Impossível. Há é que saber escolhê-los", com a imagem do Benedito agarrado ao Cristiano.

João Benedito é o mais próximo que encontro no Sporting actual de um ídolo!




Porque ser Homem com H é também dar espaço à emoção. Ao carácter. À raça. À ambição. SER LEÃO É ISTO! E ISTO É O SPORTING!
Posted by Sporting CLube de Portugal - Site de Apoio on Sunday, April 26, 2015

Quanto terminou o hóquei ontem à noite, com a conquista da Taça CERS, verti umas naturais lágrimas. Quem ama verdadeiramente o Sporting não pode resistir ao esforço, dedicação, sofrimento dos que ontem em Igualada dignificaram e muito o Sporting.

Foi uma festa linda, magnífica e que nos faz muito bem. Festejou-se, viram-se bons momentos entre os atletas e adeptos, estava tudo de parabéns. Levanta-se o troféu, vê-se toda a gente a falar para a Sporting até que Nuno Lopes aparece.

Porra, pá. Fez-me verter mais umas lágrimas. Pareço um chorão, mas andava mesmo a precisar disto. O Nuno Lopes, um Sportinguistas dos antigos, daqueles que ama o seu clube como poucos e que ontem conquistou, certamente, "o" sonho de criança!

Não digo, porque seria hipócrita, que é um ídolo do Sporting, mas aquilo que ele fez no final do jogo, a forma apaixonada como falou do feito que tinha acabado conseguir, merece e muito estar aqui ao lado da referência que é João Benedito no Sporting!

Precisamos muito disto no Sporting. A identidade Leonina constrói-se, e mantém-se viva, à base destes incríveis relatos de gente que ama o Sporting.

Obrigado Leões!

domingo, 26 de abril de 2015

A Taça CERS é nossa. Obrigado Sporting!

Sporting 8-3 Dina Moscovo :: Benedito és enorme!


8.521 adeptos estão no Meo Arena e assistiram à brilhante vitória do Sporting Clube de Portugal, ainda que para cumprir calendário, diante do Dina Moscovo por 8-3.

O Cristiano, guarda redes que ontem substitui o Benedito, marcou um dos golos e logo foi festejar com ele. O enorme João Benedito que ontem foi operado ao tendão de aquiles, hoje está presente.

És enorme!

sábado, 25 de abril de 2015

Igualada 2-3 Sporting :: estamos na final da Taça CERS!


Estivemos sempre à frente do marcador, foi necessário golo de ouro no prolongamento para o Sporting se qualificar para a final.

Amanhã a final é contra o poderoso Reus, tudo pode acontecer, mas estão de parabéns os dirigentes, jogadores, equipa técnica do Hóquei do Sporting. O meu muito obrigado pelos momentos incríveis que nos têm proporcionado!